Escolha sua rádio favorita
Rádio on-line!
'Foi milagre', diz filha de casal resgatado com vida 36 horas depois de cair em ribanceira em Joinville
Trânsito | 09/01/2018 14:20 | G1/SC | Fotos: G1/SC

Ela e o irmão refizeram trajeto dos pais e os encontraram caídos em ribanceira de cerca de 200 metros na Serra Dona Francisca. 

Casal é resgatado com vida 36 horas depois de cair em ribanceira em Joinville 

A família do casal resgatado com vida depois de cair em uma ribanceira na Serra Dona Francisca em Joinville, no Norte catarinense, mal acredita no que aconteceu. “Isso foi um milagre, realmente. Pelo acidente ali, renasceram. Ninguém acredita que saíram de dentro daquele carro vivos”, diz Queli de Oliveira. 

A mulher de 53 anos e o homem de 57 anos, que tiveram a identidade preservada, foram resgatados por volta das 10h desta segunda-feira (8) no km 16.700 da SC-418 em Joinville, mais de 30 horas depois da queda da caminhonete em que estavam na primeira curva da rodovia. 

Conforme os socorristas, o local da queda tem cerca de 200 metros de barranco e não tem visibilidade da pista. Sem sinal de celular, o casal não conseguiu pedir ajuda e permaneceu no local sem água nem comida. 

Segundo a família, eles saíram por volta das 22h de Campo Alegre. Já a PMRv diz que este teria sido o horário do acidente. Os filhos do casal estranharam o fato de eles não terem retornado para casa e decidiram refazer o percurso dos pais pela rodovia. 

“Alguma coisa nos dizia que tinha acontecido alguma coisa na Serra. A gente ficou até 3h30 da manhã conversando, procurando por onde a gente ia começar. A gente falou: ‘o último trajeto foi a Serra, vamos começar pela Serra’. Se a gente não encontrasse ia pedir ajuda para o helicóptero”, explica Queli.

“A gente viu o rastro de uma caminhonete, viu que o rastro era recente, na hora a gente teve a certeza que era eles”, diz a filha. Ali eles chamaram pelos pais. “Ele respondeu ‘tô aqui, tô aqui’”, relembra.

Então, eles acionaram a PMRv, que enviou um policial ao local. Se não fossem as árvores na ribanceira, o carro poderia ter parado em um rio. Possívelmente eles estavam com cinto de segurança, conforme a PMRv. 

\"Ele até tentou subir o barranco, mas por se tratar de um local muito íngreme, teve que desistir e aguardar por ajuda junto da esposa\", relatou o sargento Sandro Moecke, comandante do 4º Grupo da PMRv. \"O senhor contou que não viu a curva, pode ter se distraído e passado direto\", relatou o sargento. 

Os bombeiros voluntários de Joinville auxiliaram no resgate e as vítimas foram retiradas do barranco com ajuda da equipe do helicóptero Águia da Polícia Militar. 

O casal estava consciente e foi encaminhado ao Hospital Municipal São José. Nesta terça-feira, a assessoria de imprensa da unidade de saúde informou que ele teve ferimentos na costela e ela um trauma no tórax. O casal se recupera bem e deve receber alta a partir de quarta-feira.

 

    

 

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
Publicidade
Rua José Gonçalves, 333 - Lucena - Itaiópolis - Santa Catarina - 89340-000 - 89340-000 - Fone/Fax: 3652.2279 - E-mail: comercial@cidade1380.am.br
Rádio 107.9 FM, Todos os Direitos Reservados.